Jogos mobile e Nintendo NX: o que esperar da BigN de agora em diante?

Jogos mobile e Nintendo NX: o que esperar da BigN de agora em diante?

Enfim a Nintendo resolveu se mexer para sair do vermelho. Depois de anos e anos de pressão dos acionistas, da imprensa e do público geral – e depois de fazer pequenas experimentações – a BigN entra de cabeça no mundo mobile. Com o anúncio feito nesta terça (17/03) a Nintendo inicia uma parceria com a DeNA, empresa especializada em serviços mobile diversos, e juntas desenvolverão jogos para dispositivos móveis baseados nas propriedades intelectuais da casa do Mario. Uma das características dessa aliança é que os jogos a serem criados serão realmente voltados para smartphones e tablets: nada de meros ports ou emulação de jogos de consoles antigos e/ou atuais e sim games feitos sob medida para telas de toque.

Outra grande notícia foi a confirmação por parte de Satoru Iwata de que um novo console já está sendo desenvolvido. Até o momento ainda não se sabe muita coisa além de seu codinome de projeto: Nintendo NX, ou mesmo qual dos dois consoles ele deverá substituir no mercado: o Wii U ou o 3DS… ou talvez alguma coisa completamente diferente venha para somar. Seja o que for, o resultado desse novo projeto já será mostrado pela Nintendo em algum momento de 2016.

nintendo-mobile

Pronto, já repeti o que todo blog e site de games vem repetindo desde anteontem. Isso até me lembrou que eu tive uma conversa com meus amigos sobre a questão dos jogos mobile feitos pela Nintendo. Na ocasião discutíamos o que todo mundo discutia na época: se games feitos para esses dispositivos seriam realmente bem feitos, se seriam rentáveis o bastante, se seriam benéficos para a imagem das propriedades intelectuais da empresa… eu fui bastante pessimista naquela ocasião, mas agora imagino que a decisão da Nintendo pode ser vista com muito bons olhos.

Por mais que a BigN tenha pisado na bola diversas vezes (o abandono do mercado brasileiro ainda me deixa um gosto amargo na boca), é indiscutível que ela sempre prezou pela qualidade de seus produtos acima de qualquer coisa, seja hardware ou software. Talvez a única coisa boa da gestão arcaica da empresa seja o crivo rigoroso pelo qual as empresas que fazem parceria com a casa do Mario são submetidas para trabalhar em cima de suas IPs. Quem jogou os antigos games de Zelda feitos pela Capcom (Minish Cap! <3) ou a trilogia Metroid Prime sabe do que estou falando.

Com esse negócio firmado entre Nintendo e DeNA, não vejo motivos para duvidar que os games para smartphones e tablets que surgirão sigam esse mesmo padrão de qualidade, goste você de jogos mobile ou não. Apesar de a questão da pirataria ser preocupante, creio que investir nesse mercado poderá ser a salvação dos cofres da japonesa.

Uma coisa já dá pra aplaudir: free-to-play não será prioridade. 😀

wii-u

Sobre o Nintendo NX, como a única coisa revelada por Iwata foi esse codinome, só nos resta especular. Então eu não acredito que o Nintendo 3DS esteja próximo de sair do mercado (seu antecessor, o Nintendo DS – e suas variantes – fora lançado em 2004 e ficou 7 anos no mercado, contra apenas 4 anos de mercado do 3DS, lançado em 2011), ainda mais considerando a atualização de hardware dos modelos New e o fato de o pequeno notável da Nintendo vender feito água. Isso me dá razões para acreditar que o Wii U – considerado o maior fracasso da BigN desde o Virtual Boy – cairá fora e dará lugar a um novo console desktop fruto do projeto NX.

Inclusive eu tenho razões para acreditar que os novos recursos e o hardware levemente mais poderoso dos New Nintendo 3DS e New Nintendo 3DS XL permitirão que eles possam ganhar funcionalidades e recursos de integração com esse novo console: faz tempo que se fala sobre a possibilidade de o 3DS servir de controle extra para o Wii U, complementando (ou talvez substituindo) o Wii U GamePad. Quem sabe a Nintendo não esteja amadurecendo essa ideia com o projeto NX, talvez bolando formas de interatividade que ainda não conseguimos imaginar?

De qualquer forma, esta semana me deu uma oportunidade incrível de respirar. Eu realmente já estava cansado de falar mal da Nintendo e aguardo ansiosamente pra saber o que Satoru Iwata e seus amiguinhos andam aprontando.

2016 promete!

Analista de Sistemas, desenvolvedor web e webdesigner freelancer. Sou viciado em videogames, amo literatura, tô quase voltando a desenhar e os ensinamentos de Ben Parker formaram o meu caráter.

Tags: , ,
Arte de fundo criada por Nataly Al-Sayf
Portfólio - Facebook - Twitter - Tumblr
Voltar para o topo
Arte de fundo criada por Nataly Al-Sayf
Portfólio - Facebook - Twitter - Tumblr
Voltar para o topo