Início » Artigos » E se o Zeebo fosse lançado hoje?

E se o Zeebo fosse lançado hoje?

Redesign criado por Ilton Alberto Junior para o sistema operacional do antigo console brasileiro Zeebo.

Zeebo

Para o bem ou para o mal, um dos marcos na história dos videogames no Brasil foi o Zeebo. Desenvolvido pela brasileira TecToy em parceria com a estadunidense Qualcomm, o primeiro console de videogame projetado no Brasil buscava ser uma opção viável para jogadores de países emergentes e trazia recursos e características bem a frente de seu tempo (como o foco na distribuição digital de jogos, por exemplo). Entretanto, o hardware fraco perante a concorrência aliado a sucessivas decisões equivocadas de estratégia de mercado fizeram com que o promissor console tivesse uma vida curta.

Mas isso não impediu que o Zeebo conquistasse sua legião de fãs – muitos deles donos de um exemplar do console até hoje! O designer gráfico Ilton Alberto Junior, de Sorocaba/SP, é um desses fãs: em uma tentativa de imaginar como seria o retorno deste console ao mercado ou mesmo um sucessor para ele, Ilton observou cada elemento da interface de usuário do sistema operacional que rodava no Zeebo e resolveu exercitar sua criatividade. Após uns 10% de inspiração, uns 10% de transpiração e uns 80% de partidas de Zeebo Extreme: Bóia Cross jogadas, Ilton reformulou completamente o sistema operacional e muitas das características do serviço online do console, criando assim o que ele chamou de Zeebo Infinity.

Com um design limpo e moderno, que lembra a interface do Xbox 360 em certos aspectos, a interface traz novas ideias de telas para os principais recursos e serviços do Zeebo, como a ZeeboNet (como era chamada a antiga rede online do console), os Zeeboids, a rede social ZSocial e vários outros. Confira!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Você pode ver o trabalho completo do Ilton em sua página do Behance. E fica a dica pro criador desse interessante design: como seria o visual do próprio console se fosse lançado hoje? 😉

Categorias: Artigos
Tags: , , , ,

Analista de Sistemas, desenvolvedor web e webdesigner freelancer. Sou viciado em videogames, amo literatura e os ensinamentos de Ben Parker formaram o meu caráter.